Pular para o conteúdo
Voltar

Filme documental sobre Barão de Melgaço será exibido na TV aberta neste sábado (19)

O longa-metragem será exibido pela TVCA, às 23h55, no Supercine, logo após o programa Altas Horas
Protásio de Morais | Secel-MT

- Foto por: Divulgação
A | A

Barão de Melgaço – O bretão cuiabanizado Augusto Leverger, filme documental dirigido por Leonardo Sant’Ana, com produção executiva de José Paulo Traven, entra para a programação da TV Centro América e será exibido neste sábado (19), às 23h55, no Supercine, logo após o programa Altas Horas.

De acordo com Paulo Traven, o longa-metragem conta a trajetória do militar franco-brasileiro, destaque na Guerra do Paraguai e presidente da província de Mato Grosso em várias ocasiões.

“Trata-se de um trabalho primoroso que integra cinema e animação em uma produção documental, em memória aos 140 anos da morte de Augusto Leverger – patrono na Academia de Letras e no Instituto Histórico e Geográfico de Mato Grosso”.

Traven explica ainda que para isso, foram entrevistados historiadores e pesquisadores como João Carlos Vicente Ferreira, Suely da Costa Campos, João Antônio Lucídio, Eduardo Mahon, Elizabeth Madureira, Maria Adenir Peraro e Ernesto de Sena.

“Em 93 minutos, os entrevistados destacam fatos e curiosidades sobre o Barão de Melgaço, que foi também historiador e geógrafo e tinha entre seus principais interesses a hidrografia. Ele foi a figura mais importante da literatura mato-grossense de sua época e aumentou sua coleção de prêmios, condecorações e honrarias com o título de Barão de Melgaço, concedido pelo Imperador Dom Pedro II, em 1865, colocando-o no mesmo patamar do Barão de Rio Branco e de Mauá”, conta Traven.

Barão de Melgaço – O bretão cuiabanizado Augusto Leverger foi viabilizado por meio de Emenda Parlamentar destinada em 2017 pelo deputado Alan Kardec e é uma realização da Associação Mato-grossense de Inclusão Sócio Cultural/ AMISCIM e produção Terra do Sol filmes, Assembleia Legislativa de Mato Grosso e Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel).