Pular para o conteúdo

O tombamento é um conjunto de ações realizadas pelo poder público com o objetivo de preservar, por meio de legislação específica, bens culturais de valor histórico, cultural, arquitetônico e ambiental, impedindo que venham a ser demolidos, destruídos ou mutilados. 

O patrimônio histórico e cultural do Estado de Mato Grosso vai além de imóveis oficiais, igrejas ou palácios. Abrange imóveis particulares, trechos urbanos, ambientes naturais de importância paisagística, passando por imagens, mobiliários, utensílios e tradições.

O processo de tombamento de um bem cultural pode ser solicitado por qualquer cidadão, observando-se as exigências constantes na legislação. Porém, a efetivação é um ato administrativo que pode ser realizado em três instâncias de atuação: Federal, Estadual e Municipal.

A relação de bens tombados e registrados pelo Patrimônio Histórico e Cultural de Mato Grosso contém 107 bens, sendo 102 materiais e 05 imateriais distribuídos em 33 municípios.